Economia
12/07/2017 10:11:19

Supermercados projetam crescimento de 3,5% nas vendas de Natal e Ano-Novo

Puxado sobretudo pela comercialização de produtos típicos para as festas de fim de ano nos dias imediatamente anteriores aos dois eventos – as tradicionais vendas de última hora - o setor supermercadista gaúcho projeta que as vendas de Natal e Ano-Novo terão um crescimento pequeno em vendas, na casa dos 3,5%.  

É o que aponta estudo desenvolvido pelo Instituto Segmento Pesquisas a pedido da Associação Gaúcha de Supermercados (Agas), no mês de outubro, que ouviu 20 supermercadistas e 200 consumidores de ambos os sexos e de diferentes classes sociais e faixas etárias em todo o RS. Segundo o presidente da entiadade, Antônio Cesa Longo, a pesquisa mostra um cenário de otimismo dos supermercadistas. “O crescimento físico das vendas será maior que o crescimento financeiro, mostrando que o consumidor está muito atento aos preços, e ao mesmo tempo buscando incrementar a sua ceia. Nossos indicadores mostram que o gaúcho dá importância semelhante o Natal e ao Ano-Novo, mas as vendas certamente vão se concentrar majoritariamente na última hora”, antecipa o dirigente. 

Comodidade e conveniência 

Assim como nos últimos anos, a pesquisa do Instituto Segmento mostra que o consumidor gaúcho aposta no supermercado como local prioritário para adquirir itens para as festas. “Cada vez mais sem tempo, o consumidor quer encontrar tudo o que precisa em um único local, desde presentes até os produtos para a ceia em família”, lembra Longo. 






O SERRANOSSA não se responsabiliza pelas opiniões expressadas nos comentários deixados pelos leitores e adverte que o conteúdo pode ser reproduzido em reportagens. O teor das mensagens está sujeito a moderação.



Curta o SERRANOSSA