Negócios
08/11/2017 13:39:38

Bento Gonçalves recebe prêmio de Cidade Inovadora 2017

O 1º Congresso Gaúcho de Cidades Digitais segue até esta sexta-feira, 11, na Fundação Casa das Artes. Realizado por meio de uma parceria entre a Prefeitura e a Rede Cidade Digital (RCD), o evento integra a programação da 4ª Semana do Empreendedorismo, e reúne prefeitos, gestores e vereadores para tratar de inovação e investimento em tecnologia a fim de melhor os serviços públicos.

Nesta quinta-feira, 10, foi realizada a entrega da premiação de Projeto Inovador 2017. O objetivo é valorizar prefeitos inovadores, que buscam técnicas ou ferramentas que ainda não eram utilizadas e que gerem resultados positivos para a gestão pública e vida dos cidadãos. Bento Gonçalves foi uma das cidades vencedoras com o projeto Bento Conectada.

Executado pela Coordenadoria de Tecnologia de Informação e comunicação (CTEC), o projeto integra ações para promover melhorias e agilidade no acesso à informação, nos processos administrativos e redução de custos, através da implantação de sistemas próprios, de equipamentos tecnológicos e de qualificação para os servidores públicos.

Atualmente, Bento Gonçalves possui uma infovia com 220 km de fibra óptica integrando secretarias, postos de saúde, escolas e demais órgãos públicos. Sendo disponibilizados sete pontos de wi-fi gratuito na cidade. Já o sistema de monitoramento, é composto por 33 câmeras de segurança.

Conforme o Diretor da CTEC, Roberto Carraro, com as ações integradas o Município economiza. "Com a adoção de ramais e implantação da telefonia voip, o município gastou, em 2016, pouco mais de R$133 mil contra mais de R$440 mil pagos em 2012. A conta também reduziu, por exemplo, na contratação de softwares de gerenciamento, uma média de R$700 mil a menos no período comparado", disse.

O prefeito Guilherme Pasin comemorou a conquista. "Não estamos falando somente de economia, mas dos impactos positivos no atendimento aos cidadãos e controle de gestão, o que torna Bento Gonçalves uma cidade conectada", finaliza. Em 2015, o projeto foi vencedor do Prêmio Gestor Público promovido pelo Sindifisco e Afisvec.

 

 

 

 

 

Foto: Emanuele Nicola 



O SERRANOSSA não se responsabiliza pelas opiniões expressadas nos comentários deixados pelos leitores e adverte que o conteúdo pode ser reproduzido em reportagens. O teor das mensagens está sujeito a moderação.


Curta o SERRANOSSA