Segurança
12/10/2017 21:32:05, escrita por SERRANOSSA

Final de semana termina com duas mortes após desentendimento no Ouro Verde

Um desentendimento em um bar deixou dois mortos na tarde deste domingo, dia 10, em Bento Gonçalves. Segundo informações da Brigada Militar, por volta das 15h20 houve um desentendimento em um bar na rua dos Pinheiros, prolongamento da rua Bramante Mion, no bairro Ouro Verde, quando aconteceu uma troca de tiros. Um indivíduo efetuou os disparos contra dois homens após uma discussão.

Um dos homens, identificado como sendo Deocesar João Seco, de 47 anos, morreu ainda no local, após ser atingido por um tiro na cabeça. O outro, identificado como  Vanderli Alonso dos Reis, de 40 anos, também foi atingido por pelo menos dois tiros à queima-roupa na cabeça. Ele foi levado para o hospital pelos socorristas do Samu, mas não resistiu aos ferimentos e morreu enquanto recebia atendimento. Após o crime, o autor dos disparos fugiu a pé em direção ao bairro Zatt. 

Os policiais da Brigada Militar chegaram rapidamente e isolaram o local. Foi encontrado um revólver calibre 38 próximo ao corpo de Reis, que tinha uma faca na cintura. Um pistola de pressão, municiada com um cartucho calibre 22, e um coldre com quatro munições calibre 38 foram localizados em um veículo Ford Pampa, com placas de Garibaldi, que pertencia a ele.

Deocesar João Seco tinha apenas um antecedente por ameaça. A polícia constatou que ele foi atingido por engano. Reis tinha uma ficha criminal considerável, com registros policiais anteriores por homicídio, ameaça e porte ilegal de arma.

Com mais estes crimes, Bento Gonçalves soma 32 homicídios em 2017, considerado o ano mais violento da história da cidade. 



O SERRANOSSA não se responsabiliza pelas opiniões expressadas nos comentários deixados pelos leitores e adverte que o conteúdo pode ser reproduzido em reportagens. O teor das mensagens está sujeito a moderação.



Curta o SERRANOSSA