Segurança
08/02/2018 12:17:51, escrita por SERRANOSSA

Polícia Civil divulga novas informações sobre caso de adolescente baleado na cabeça

O titular da 2ª Delegacia de Polícia de Bento Gonçalves, delegado Álvaro Pacheco Becker, em coletiva de imprensa realizada na manhã da última quinta-feira, dia 2, apresentou novas informações sobre a tentativa de latrocínio ocorrida no dia 19 de julho, no Ginásio de Esportes do bairro Vinosul e que resultou em três pessoas feridas, sendo um adolescente baleado na cabeça. As investigações apontaram a identificação correta do autor dos disparos, um menor de 17 anos, além de outros dois menores, de 14 e 16 anos, também envolvidos no crime. 

No dia do crime, um adolescente de 16 anos chegou a ser apreendido acusado de ser o autor dos disparos. Usuário de drogas, ele foi internado na Fundação de Atendimento Socioeducativo (Fase), em Caxias do Sul, como menor infrator. Com base em informações anônimas e depoimentos, foi constatado que os tiros foram disparados por outro menor. “O que inicialmente foi reconhecido pela vítima é muito parecido com um dos outros que agora foram identificados”, aponta o delegado. 

Becker irá encaminhar ao Judiciário pedido para apreensão dos três indivíduos e também para solicitar a liberação do outro menor que está na Fase. Mesmo assim, o envolvimento dele na tentativa de latrocínio não está descartado. 

Os três menores já foram ouvidos e confessaram o crime. Eles já tinham antecedentes por tráfico, lesão corporal e posse de entorpecentes. Dois deles não são da cidade e, inclusive, estavam dormindo nas ruas. O autor dos disparos é natural de Santa Catarina e disse que a arma teria sido trazida de lá. Ele estava sob o efeito de drogas no dia da ocorrência e, em depoimento, disse que o crime não foi planejado. 

Relembre 

A tentativa de latrocínio aconteceu por volta das 19h30 do dia 19 de julho, no Ginásio de Esportes no bairro Vinosul, nas proximidades da ERS-444, no Vale dos Vinhedos. Um grupo de quatro assaltantes chegou ao local e anunciou o assalto, mandando as vítimas deitarem no chão. Eles pegaram o dinheiro do caixa, uma bola e os pertences das vítimas. Os bandidos já estavam saindo quando um deles voltou e efetuou vários disparos, acertando, além de um adolescente de 14 anos, outros dois homens. Um deles, de 53 anos, foi atingido de raspão no nariz. O outro, de 38, foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde foi atendido e liberado. Os assaltantes ainda levaram um automóvel Corolla, pertencente a um dos feridos, recuperado meia hora depois, no bairro Municipal. O adolescente de 14 anos permanece internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Tacchini. 



O SERRANOSSA não se responsabiliza pelas opiniões expressadas nos comentários deixados pelos leitores e adverte que o conteúdo pode ser reproduzido em reportagens. O teor das mensagens está sujeito a moderação.



Curta o SERRANOSSA