Brigada flagra área desmatada irregularmente em Serafina Corrêa

A área representa cerca de 10 mil metros quadrados de Mata Atlântica suprimida

Fotos: 3º BABM

Nesta quarta-feira, 15/11, equipe do 3° Batalhão Ambiental da Brigada Militar (3º BABM) flagrou a destruição de vegetação nativa em uma área no interior do município de Serafina Corrêa.

Utilizando um drone, os policiais militares realizavam a fiscalização ambiental quando, em uma propriedade rural, constataram a supressão de vegetação nativa pertencente ao bioma Mata Atlântica em uma área total de 10.000 metros quadrados.

O proprietário da área rural não possuía licenciamento dos órgãos ambientais competentes para tal intervenção e, diante do crime ambiental, foi confeccionado Boletim de Ocorrência Policial.

O uso de aeronaves remotamente pilotadas (RPA), ou drones, permite o monitoramento, em tempo real, de grandes áreas, detectando atividades ilegais como, por exemplo, desmatamento, extração mineral, poluição, caça e pesca predatória. Por meio das imagens e vídeos, os drones fornecem evidências legais do dano ou crime.