A dor da traição

Por: Felipe Sandrin | 24/05/2019 06:00:00

É bonito ver uma mulher se reerguer mesmo após ser traída. Agora, se um homem soubesse o que acontece dentro de uma mulher traída, talvez ele pensasse mais antes de fazer aquilo. Pois não é apenas a dor de ser enganada e sentir sua autoestima ser estraçalhada. Ela para de dormir direito, para de comer, para de produzir em tudo. O que sobra dentro dela é um “por quê?”, um insistente e doloroso “por quê?”. A mulher nunca supera uma traição. Ela segue em frente, ela vence, ela volta a sorrir, mas aquela traição sempre estará com ela.

Traição é algo que machuca tanto uma mulher que o simples fato de ela presenciar sua mãe ser traída já deixa uma marca enorme dentro dela, uma marca que fará ela sempre desconfiar – e temer – os homens. Não é uma simples ferida, não é algo que ela esquece com o tempo. Um homem traído sente dor em seu orgulho, mas uma mulher traída sente dor na sua alma.

Já vi grandes mulheres se redescobrirem ainda melhores após uma traição, mas nunca vi uma mulher se recuperar totalmente. Os escombros da dor sempre ficam, assim como o medo, a desconfiança.

Um homem que trai uma mulher demonstra mais do que infidelidade: ele demonstra não conhecer o íntimo dela. Porque se ele soubesse a dor que nela fica, jamais colocaria essa mulher em risco por uma simples noite de prazer.
O orgulho se recupera, mas a dor de ser traída fica para sempre. Jamais um grande homem aceitaria esse risco. Não há noite de aventura que valha o risco de ferir para sempre aquela que era sua grande companheira.
 


É proibida a reprodução, total ou parcial, do texto e de todo o conteúdo sem autorização expressa do Grupo SERRANOSSA.

Felipe Sandrin

Felipe Sandrin

 



Músico e escritor, é colunista do SERRANOSSA desde 2006. Tem três livros lançados: Amor Imortal (2008), Eu vi a rua envelhecer – coletânea de crônicas publicadas no SERRANOSSA (2015) e Sempre Haverá Junho (2017), além dos álbuns Lados Separados (2011) e Adeus Astronautas (2016), com canções próprias. Contato: [email protected]



O SERRANOSSA não se responsabiliza pelas opiniões expressadas nos comentários publicados no portal.



Leia a Edição
IMPRESSA


Edição 728
19/09/2019 08:00:40
Edições Anteriores

Curta o SERRANOSSA