A felicidade como caminho interior

Por: Padre Ezequiel | 04/07/2021 15:49:35

Você certamente já percebeu que a felicidade não está lá depois da curva, na próxima experiência ou naquela conquista. A felicidade está dentro de nós. Você pode encontrá-la ali, na sua profundidade. Mas deixe eu perguntar: você percebe onde as pessoas buscam a felicidade hoje? Você acha que as pessoas estão olhando para dentro de si mesmas? Embora existam muitas pessoas que não despertaram ainda para essa busca, ficam na superficialidade da vida, há um movimento grande de pessoas percebendo que a vida e a busca pessoal são o mais importante. Percebem que o mais importante é perceber nas pequenas coisas o sentido. 

Para ser feliz é preciso viver conscientemente, viver com todos os sentidos. Estar aberto a possibilidade se sempre se reinventar. Se você tem 50, 60 ou 70 anos e não quer se reinventar, então está deixando de acolher a novidade que se oferece a você e quer te deixar mais feliz. Eu falei de uma pessoa com mais de 50 anos, mas isso vale para todos. Todo ser humano quando deixa a mente aberta ao crescimento, a evolução, e busca, então vai percebendo sempre as novas faces do sentido e da felicidade. 

Nas conversas que tenho com as pessoas, às vezes pergunto: quem é você mesmo? Você se conhece? Quem é a pessoa mais importante para você? A quem você serve? As perguntas sempre têm a força de colocar o pensamento num foco, sem que se perca em muitas divagações. As pessoas hoje têm muito lixo guardado nas memórias. Nós devemos limpar o lixo e filtrar os pensamentos para que possamos perceber o que é essencial. As perguntas ajudam nisso. Eu mesmo posso me fazer perguntas e buscar as respostas. 

A felicidade é mais duradoura se cultivar uma atitude interior. Não é o externo somente que precisa mudar. É o meu interno, é a percepção de mim mesmo, de quais pensamentos alimento, de como me vejo. Nisso, preciso me reconciliar com aquilo que sou. Essa nem sempre é uma tarefa fácil. Uma tarefa importante para você é repetir o seguinte: “Eu me aceito como sou, acolho a mim mesmo, aceito a minha beleza e minha inteligência. Estou bem comigo mesmo. Aceito a minha história, perdoo os meus erros e perdoo as alfinetadas e machucados que os outros me fizeram sofrer. Estou satisfeito com a minha vida e com aquilo que sou. Sou aquilo que sou, faço bem aquilo que faço. Lanço sementes de amor em tudo o que faço”. 

Essa prece positiva vai entrando no seu subconsciente na medida em que você repete. Quando ela fica gravada no seu subconsciente, depois de 21 dias, aquilo que você repetiu começa a se tornar realidade em sua vida. Essa linguagem está de acordo com a lei da atração presente no universo. O universo é criatura de Deus e ele nos conduz sempre para ao melhor. Por isso, aquilo que eu afirmo e repito, vibra em todo o universo e se torna realidade em minha vida. Aqui você percebe como é importante você limpar o seu lixo mental, seus hábitos e ideias negativas e perturbadoras. 
 


É proibida a reprodução, total ou parcial, do texto e de todo o conteúdo sem autorização expressa do Grupo SERRANOSSA.

Padre Ezequiel

Padre Ezequiel

Sacerdote da Diocese de Caxias do Sul (RS), padre Ezequiel é cantor e compositor e lidera o projeto "Despertai para o Amor", de evangelização através da música e dos meios de comunicação. Já lançou seis CDs e um DVD e roda o Brasil com shows musicais, palestras, missas e pregações. Apresenta diariamente a reflexão "Despertai para o Amor" em mais de 250 rádios de 19 Estados do Brasil e o programa semanal "Despertai para o Amor" na TV Evangelizar e na TV Nazaré. É editor da Revista "Despertai para o Amor", de circulação trimestral, e autor do livro "Beber na fonte do amor: como a misericórdia humaniza e traz verdadeira alegria" (Edições Loyola).




Leia a Edição
IMPRESSA


Edição 805
04/08/2021 00:00:18
Edições Anteriores

Curta o SERRANOSSA