• Vinícola Garibaldi

Desemprego no RS cai para 5,2%, diz IBGE

  • Vinícola Garibaldi
  • Posto Ravanello

Com essa atualização, a taxa média anual ficou em 5,4% em 2023, abaixo dos 6,4% observados em 2022

Foto: Agência Brasil

A taxa de desemprego no Rio Grande do Sul caiu para 5,2% no quarto trimestre de 2023, abaixo dos 5,4% observados no trimestre imediatamente anterior. Com essa atualização, a taxa média anual ficou em 5,4% em 2023, abaixo dos 6,4% observados em 2022. Esse é o menor patamar desde 2013. Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados nesta sexta-feira, 16/02.

Olhando os dados da média anual, o Estado registrou 338 mil pessoas desocupadas dentro de um total de 6,2 milhões de cidadãos na força de trabalho. Já o rendimento médio real no Estado ficou em R$ 3.222 — R$ 132 a mais do que o valor observado em 2022. Esse é o maior montante desde 2020, ano marcado por ressalvas no cenário do mercado de trabalho diante da saída de parte da população com salários mais precários. 

No último trimestre do ano, o Estado registrou 325 mil pessoas em situação de desocupação dentro da força de trabalho, que terminou o ano com 6,3 milhões integrantes.  Apesar de redução ante o terceiro trimestre, a taxa de desocupação do quarto trimestre de 2023 no Estado (5,2%) é maior do que a observada no mesmo período de 2022 (4,6%). Segundo o IBGE, essas duas oscilações, para baixo e para cima, “demonstram estabilidade estatística no índice”.

No quarto trimestre, o contingente de pessoas ocupadas ficou em 5,948 milhões, o que representa aumento aumento de 1,8% ante o trimestre anterior. Na comparação com o mesmo trimestre de 2022 (5,951 milhões), apresentou queda no total. 

Fonte: GZH