• Vinícola Garibaldi

ERS-122, entre Nova Milano e São Vendelino, tem trânsito liberado

  • Vinícola Garibaldi

Trecho flui sem interrupções desde às 18h de quinta

ERS-122, entre Nova Milano e São Vendelino, tem trânsito liberado
Fotos: CSG/Divulgação

A CSG liberou, no final da tarde de quinta-feira, 16/05, o trecho da ERS-122, entre o distrito de Nova Milano (Farroupilha) e a cidade de São Vendelino. O local fluirá em ambos os sentidos. Com as ações tomadas, todos os 271,5 km de estradas sob administração da concessionária estarão em condições de trafegabilidade nas regiões do Vale do Caí e da Serra Gaúcha.

O ponto entre o km 39 e o 51 estava completamente bloqueado desde as 13h do dia 30 de abril, quando ocorreram deslizamentos de encostas, desmoronamentos e afundamentos de pista em diversos trechos da rodovia devido às fortes chuvas registradas na maior catástrofe climática na história do Rio Grande do Sul. As equipes da CSG trabalharam no local e seguem atuando em obras que ainda se fazem necessárias, porém, a trafegabilidade, principal objetivo da companhia nesse momento, foi recuperada.

O secretário de Parcerias e Concessões do Rio Grande do Sul, Pedro Capeluppi, destaca que, mesmo com todas as dificuldades impostas pelo clima e relevo das regiões atingidas, a CSG atuou para dar condições de tráfego em duas semanas em todo o trecho concedido.

“Acompanhamos de perto os trabalhos emergenciais e de recuperação promovidos pela CSG. A concessionária está trabalhando de forma exemplar e alinhada com os órgãos públicos, nas rodovias do Vale do Caí e Serra. Atuaram com agilidade e segurança, possibilitando que os veículos de emergência e os cidadãos consigam utilizar nossas estradas estaduais”, realça.

ERS-122, entre Nova Milano e São Vendelino, tem trânsito liberado

O diretor-presidente da CSG, Ricardo Peres, cita a importância da liberação do trajeto entre São Vendelino e Farroupilha, por ser a principal ligação entre a região metropolitana com a Serra Gaúcha.

“Com essa liberação, facilitamos o acesso ao aeroporto Hugo Cantergiani, em Caxias do Sul, que tem sido uma das principais ligações com outros estados devido ao fechamento do Salgado Filho, na capital gaúcha. Essa estrada também tem uma relevância enorme para o escoamento da produção, deslocamento de veículos em atendimentos de saúde e do próprio acesso dos moradores das localidades que ficam próximas à rodovia”, elenca Peres.