• Naturepet Pharma
  • Tacchini
  • Debianchi
  • Envase
  • Vinícola Garibaldi
  • Posto Ravanello

Estudantes do IFRS Bento recebem medalhas de ouro e prata na Olimpíada Nacional de Ciências

  • Naturepet Pharma
  • Tacchini
  • Envase
  • Vinícola Garibaldi

Rômulo Eduardo Girotto e Luiz Eduardo Carneiro foram destaque na edição de 2023 da competição

Foto: IFRS Bento/Divulgação

Os estudantes Rômulo Eduardo Girotto e Luiz Eduardo Carneiro, ambos do 2º ano do Curso Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio, receberam as medalhas de ouro e de prata, respectivamente, conquistadas na Olimpíada Nacional de Ciências (ONC) de 2023. O Campus recebeu as medalhas da organização do evento e realizou a entrega aos estudantes em um ato simbólico.

Participaram do momento a professora Débora Tomasini, de Química, responsável pela inscrição dos alunos do Campus Bento Gonçalves na ONC, e o professor de História, Tiago Goulart, diretor de Ensino à época.

Natural da cidade de Carlos Barbosa, Rômulo Eduardo Girotto já vem se destacando em olimpíadas desde o ensino fundamental. Em 2022, quando estudava na Escola Municipal Governador Leonel de Moura Brizola, obteve Medalha de Ouro na Olimpíada Nacional de Ciências (ONC), Medalha de Ouro na Olimpíada Nacional de Eficiência Energética (ONEE) e Medalha de Ouro na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). Antes, já havia conquistado uma Medalha de Prata na Obmep.

Luiz Eduardo Carneiro cursou o ensino fundamental na Escola Estadual Mestre Santa Bárbara. Enquanto estudava lá, recebeu Medalha de Bronze e Menção Honrosa da Obmep. Ingressou no Campus Bento Gonçalves em 2022, no Curso Técnico em Agropecuária e, em 2023, mudou para o Curso Técnico em Informática para Internet.  Como aluno do IFRS, obteve a Medalha de Prata na Olímpia Brasileira de Astronomia (OBA), uma Menção Honrosa na Obmep, premiações em Campeonatos de Xadrez (1°, 3° e 6° colocado), Medalha Futuro Cientista e Menção Honrosa na Olimpíada Brasileira de Biotecnologia (Obbiotec).

Sobre a ONC

É um evento técnico/científico organizado pela Universidade Federal do Piauí (UFPI) e realizado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação (MCTI). Constitui um programa da Associação Brasileira de Química (ABQ), Departamento de História da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Instituto Butantã (IB), Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) e Sociedade Brasileira de Física (SBF), responsáveis por sua execução.

É destinada aos estudantes matriculados no Ensino Fundamental II (6º, 7º, 8º ou 9º ano); no Ensino Médio (1ª, 2ª ou 3ª série); e estudantes da 4ª série do Ensino Técnico, bem como estudantes da Educação de Jovens e Adultos dessas séries. As provas são realizadas de acordo com a série dos estudantes e ocorrem no formato digital, com conteúdos que envolvem astronomia, biologia, física, história, e química.