• Envase
  • Ótica Debianchi Lente em Dobro
  • Vinícola Garibaldi
  • Naturepet Pharma

Homem é condenado a mais de 38 anos de prisão em Bento Gonçalves

  • Vinícola Garibaldi
  • Debianchi
  • Posto Ravanello
  • Envase
  • Naturepet Pharma

Acusado por condenado por homicídio qualificado e por outras três tentativas

Foto: Acervo SERRANOSSA

Em sessão de júri realizada na última quinta-feira, 1º/06, no Foro da Comarca de Bento Gonçalves, um homem, de 25 anos, foi considerado culpado pela prática de um homicídio qualificado contra Arleides Paulo de Ramos Nascimento, três tentativas de homicídios qualificados e uma lesão corporal leve, em fatos ocorridos em agosto de 2021, na cidade.

A Juíza de Direito Fernanda Ghiringhelli de Azevedo presidiu o julgamento e, de acordo com o veredito dos jurados, aplicou ao réu pena de 38 anos, um mês e 18 dias de reclusão, em regime inicial fechado, pelos crimes dolosos contra a vida, e quatro meses e 20 dias pela lesão. O acusado teve a prisão preventiva mantida. Foram pouco mais de nove horas de júri, encerrado por volta das 18h15.

Caso

Conforme a denúncia do Ministério Público, os crimes foram motivados por ciúmes do réu em relação a uma das vítimas, ex-namorada dele, que confraternizava com as demais pessoas em uma casa. Depois de ameaçá-las, o réu retornou com um amigo e saiu de um carro atirando contra as vítimas – duas mulheres e três homens. As qualificadoras reconhecidas pelos jurados foram o motivo fútil e o fato de os disparos terem sido em região altamente habitada. A decisão sabe recurso.

Fonte: TJ RS