• Vinícola Garibaldi

IFRS de Bento forma a 1ª Mestra em Viticultura e Enologia do Brasil

  • Vinícola Garibaldi

Alana Foresti ingressou no mestrado em abril de 2022 após se formar técnica em Viticultura e Enologia

Foto: IFRS Bento Gonçalves

No mês em que é celebrado o Dia Internacional da Mulher, o Instituto Federal do Rio Grande do Sul Campus Bento Gonçalves forma a primeira Mestra em Viticultura e Enologia do Brasil. 

A entrega do certificado para Alana Foresti ocorreu no dia 13 de março, sendo acompanhada pelo Diretor-geral, Rodrigo Otávio Câmara Monteiro, pelo Diretor de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação, Giovani Farina, pela coordenadora do curso, Shana Sabbado Flores, pela secretária de pós-graduação, Caroline Poletto, pela orientadora durante a trajetória do mestrado, Tatiane Pellin Cislaghi, e pelos familiares da formanda. 

Alana já havia sido aluna do Campus ao cursar o Técnico em Viticultura e Enologia e o Curso Superior de Tecnologia em Viticultura e Enologia. Em abril de 2022, ingressou na primeira turma do Mestrado Profissional em Viticultura e Enologia.

O desenvolvimento da pesquisa se deu na Vinhos Foresti, uma vinícola familiar em Pinto Bandeira. Alana é a enóloga responsável pela vinícola, que pertence à sua família. O projeto do mestrado culminou em um plano para o enoturismo na vinícola. Ao longo dessa caminhada, Alana também participou de rodada de pré-incubação na Click–Up, pré- -incubadora do Campus Bento Gonçalves do IFRS.