Jovem de 20 anos segue desaparecido após rompimento de ponte pênsil em Torres

Brian Grandi, de 20 anos, é natural de Caxias do Sul e está sendo procurado pelo Corpo de Bombeiros e Brigada Militar

Foto: Governo RS/Divulgação

O Corpo de Bombeiros Militar e a Brigada Militar buscam, na tarde desta segunda-feira, 20/02, a última pessoa desaparecida após a ponte pênsil, sobre o rio Mampituba, entre Torres, no litoral gaúcho e Passo de Torres, em Santa Catarina, virar.

O jovem desaparecido foi identificado como Brian Grandi, de 20 anos, natural de Caxias do Sul, que sumiu após o acidente ocorrido nesta madrugada.

Foto: Redes Socias/Divulgação

Dezenas de pessoas transitavam pela ponte quando os cabos da estrutura se romperam.

Os bombeiros seguem trabalhando em diversos pontos do Rio Mampituba.

Forças de segurança do RS estão atuando no resgate

O Corpo de Bombeiros Militar trabalha com duas equipes de mergulhadores, além de três botes e duas motos aquáticas nas águas do Mampituba, bem como efetivo em terra.

Quatro pessoas que estavam sendo procuradas foram localizadas bem, todas já estavam em suas casas.

Ponte passou por manutenção

A prefeitura de Passo de Torres, no Sul catarinense, afirmou, por meio de uma Nota Oficial, que a ponte pênsil passou por manutenção preventiva na sexta-feira, 17/02.

“A manutenção dos cabos de sustentação das cabeceiras e troca das pranchas de madeira são realizadas com frequência pelo município, sendo registradas nesta sexta-feira, 17 de fevereiro, a última manutenção preventiva do local com o reparo nos cabos, tirantes, tela e estrados”, afirmou a nota.