• Vinícola Garibaldi

“Morreram no meu colo”: moradora de Faria Lemos denuncia envenenamento de cachorros

  • Vinícola Garibaldi

A moradora relata que duas cachorras morreram na noite de quinta-feira, 15/02

Foto ilustrativa

Uma moradora de Faria Lemos, interior de Bento Gonçalves, entrou em contato com o SERRANOSSA para denunciar uma situação de envenenamento de animais.

De acordo com o relato de Solange Pivotto, dois de seus quatro cachorros, que eram cuidados em um canil fechado, morreram envenenados na noite de quinta-feira, 15/02, após comerem um alimento na rua, na beira da estrada, enquanto passeavam o seu esposo.

“Ontem de tarde, por volta de 18h30, meu marido levou dois cachorros pra passear e ele não se tocou, deixou as cachorras comerem algo, era arroz com massa, osso de galinha”, relatou.

Horas mais tarde, por volta da 00h, a família acordou com o barulho das cachorras. Neste momento, o casal encontrou Lola e Pipoca se debatendo no canil. Os animais foram levados para dentro da residência e pouco depois acabaram morrendo.

“As duas morreram em minhas mãos”, lamentou Solange.

A moradora de Faria Lemos afirmou que vai registrar um boletim de ocorrência na delegacia.

Bem cuidadas

Solange afirmou que os dois animais eram de rua. Em novembro do ano passado, a Lola foi deixada na frente de sua casa, grávida. Ela conseguiu doar os animais, mas ficou com a filhote Pipoca.

“Quando adotei a Lola ela estava puro osso e agora estava bonita, castrada. Agora elas morreram no meu colo, morreu a mãe depois a filha. Estou sem chão. Não se faz isso com os animais, ver o sofrimento deles é muito triste”, queixa-se.

Por fim, Solange afirma que agora fica preocupada sobre os passeios dos outros dois cães.,