• Vinícola Garibaldi

Mulher é morta em Roque Gonzales; companheiro é o principal suspeito

  • Vinícola Garibaldi

Íris Reuse da Silva era agente de endemias da cidade; a prefeitura de Roque Gonzales decretou luto oficial

Foto: Divulgação e redes sociais

Íris Reuse da Silva, de 53 anos, agente de endemias de Roque Gonzales, foi encontrada morta em sua casa. Seu companheiro, de 56 anos e que não teve sua identidade revelada, também foi encontrado morto. A Polícia Civil suspeita que o caso se trate de um feminicídio seguido de suícido.

Segundo a Polícia Civil, por volta do meio-dia de domingo, 18/02, uma sobrinha da vítima foi até a residência, localizada na rua das Àguas, e encontrou os corpos. A suspeita da polícia é de que o crime tenha acontecido ainda durante a madrugada, logo após o casal retornar de um evento. O crime teria acontecido numa varanda que dava acesso à residência. A arma que teria sido usada pelo autor, um revólver, foi encontrada no local. 

Em 2022, Íris procurou a polícia e registrou um boletim de ocorrência contra o companheiro, envolvendo violência doméstica. Testemunhas serão ouvidas pela Polícia Civil para esclarecer o caso.

Luto

A prefeitura de Roque Gonzales emitiu um comunicado após a perda da servidora pública, lamentando o fato. Em razão do falecimento, os postos de saúde e a Secretaria de Saúde de Roque Gonzales foram mantidos fechados na manhã desta segunda-feira, 19/02. “Pedimos a compreensão de todos, pois estaremos participando da despedida e sepultamento da nossa colega Íris”, publicou a equipe da Secretaria de Saúde do município nas redes sociais.

*Com informações de GZH