Cultura e entretenimento
04/03/2020 15:36:17, escrita por SERRANOSSA

Apresentação reúne virtualmente os músicos da UCS Orquestra

Regidos pelo maestro Manfredo Schmiedt, integrantes do grupo gravaram a obra Gabriel’s Oboé, composta por Ennio Morricone, tocando os instrumentos de suas próprias casas

Para que o público siga podendo acessar a música da UCS Orquestra durante o período de reclusão, ocasionada pela pandemia pelo novo coronavírus, o maestro e diretor artístico, Manfredo Schmiedt, e 12 músicos se reuniram virtualmente para gravar a obra Gabriel’s Oboé, composta por Ennio Morricone. A iniciativa consiste na primeira interação deste tipo entre o grupo, com cada músico tocando de sua própria casa. “É uma sensação bem diferente, pois estamos acostumados a trabalhar em conjunto, quando a respiração, o gesto musical e o movimento corporal de cada um ajuda a tocarmos de maneira harmônica”, conta o regente.

 


Fotos: Divulgação


Originalmente composta para oboé e cordas, a melodia foi adaptada para a participação dos demais instrumentos, com o solo dividido entre o próprio oboé, a trompa, o vibrafone, o clarinete e o fagote.


A opção pela música, que já faz parte do repertório dos concertos presenciais, se relaciona ao cenário atual – é trilha sonora do filme A Missão, que remete ao desbravamento do desconhecido e o enfrentamento de novos desafios.
A edição e a mixagem do vídeo são de Dhouglas Umabel.

O resultado, você confere na página da UCS no YouTube e no perfil da UCS Orquestra no Facebook. 

Desde a última semana, a UCS Orquestra divulga em suas mídias vídeos de concertos realizados em 2019, como o Quadressencias, de Daniel Wolff, e Scheherazade, de Rimsky-Korsakov. A proposta é seguir compartilhando outras gravações de espetáculos já realizados e novos conteúdos, com a Orquestra e seus Grupos de Câmara.




Curta o SERRANOSSA