Economia
05/04/2011 09:50:28, escrita por SERRANOSSA

Economia caxiense registra crescimento em 2011

Segundo o levantamento, existem 168.167 postos de trabalho formais em Caxias até março de 2011

A economia de Caxias do Sul, depois de dois meses em queda, registrou crescimento no mês de março em comparação com fevereiro. Graças ao desempenho positivo de indústria, comércio e serviços, a economia local apresentou alta de 9,4% em março. Em relação ao mesmo mês de 2010, o crescimento foi de 5,9%.  O acumulado nos três primeiros meses do ano é positivo em 14,3%. Os números do desempenho da atividade econômica caxiense foram divulgados pela Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC) e Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) nesta terça-feira, dia 3.

O levantamento mostra que o comércio apresentou crescimento de 11,8% em relação a fevereiro, impulsionado pela venda de veículos e ferragens. Em seguida, o comércio, com alta de 9,8%, e após a indústria, com 8,5%, que, aliás, teve crescimento em todos os componentes da análise, como utilização da capacidade instalada (2,3%), horas trabalhadas (12%), compras industriais (16,4), vendas industriais (9%), e massa salarial (6,2%).

Empregos


Em março foram gerados 807 empregos formais em Caxias do Sul. O segmento que mais contratou foi o de serviços, com 670 vagas. O segmento agropecuário, ao contrário, registrou fechamento de 145 postos de trabalho, o que evidencia o período de fim da safra da uva. A indústria também apresentou crescimento, com 211 novos empregos. O comércio, por sua vez, gerou 57 novas vagas. Com isso, o total de postos de trabalho formais em Caxias do Sul até março de 2011 é de 168.167.

Balança comercial

Em março deste ano, as exportações tiveram queda de menos 1% na comparação com fevereiro, mas apresentaram crescimento de 14,8% em relação ao mesmo mês de 2010. No ano, o acumulado é positivo em 36,9%. Já as importações cresceram 10% em relação a fevereiro, mas caíram 1,4% na comparação com março de 2010. No acumulado, as importações somam alta de 68,9%.

Em março, os principais destinos das exportações caxienses foram: Argentina (15,9%), Chile (13%), Estados Unidos (11,9%), México (6,7%), Uruguai (5,8%) e Peru (5,3%). E as principais origens das importações foram: China (23,5%), Itália (14,6%), Estados Unidos (13,8%), Alemanha (7,1%), Argentina (5%) e Japão (4,3). Os bens de capital ainda são os produtos mais exportados e mais importados pelas empresas de Caxias do Sul.

Com informações da assessoria de imprensa da CIC.

Siga o SerraNossa!

Twitter: http://www.twitter.com/serranossa

Facebook: Jornal SerraNossa

Orkut: http://www.orkut.com.br

 



O SERRANOSSA não se responsabiliza pelas opiniões expressadas nos comentários deixados pelos leitores e adverte que o conteúdo pode ser reproduzido em reportagens. O teor das mensagens está sujeito a moderação.



Curta o SERRANOSSA