Economia
01/11/2013 14:22:53, escrita por SERRANOSSA

Preço mínimo da uva se mantém em R$ 0,57

Valor pode aumentar de acordo com a qualidade da fruta

Apesar das diversas reuniões e reivindicações do setor, o preço mínimo da uva para a safra deste ano não terá alteração em relação ao ano anterior. O valor se mantém em R$ 0,57 ao quilo para a variedade Isabel. Assim como no ano passado, o produtor pode aumentar o valor ganho para cada grau babo (que determina a quantidade de açúcar presente) acima de 15 graus. O presidente da Comissão Interestadual da Uva, Olir Schiavenin, lamenta a manutenção do preço mínimo, mas explica que o valor é apenas um parâmetro para as uvas mais comuns. “Variedades como a bordô tem o preço mínimo em R$ 0,70”, esclarece. 

O mínimo estabelecido está abaixo do custo de produção da uva, que é de R$ 0,67. A reivindicação do setor era para, caso o governo não cobrisse este valor, que pelo menos repusesse a inflação do período. Mas o pedido não foi atendido. “O governo preferiu dar ênfase a outras questões”, comenta Schiavenin, referindo-se a programas para escoamento da produção e que, segundo ele, contribuem de certa forma com a diminuição dos estoques, que crescem a cada ano. 

Ele cita medidas como a compra de suco de uva de cooperativas vinícolas do Rio Grande do Sul por parte da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), proibição da adição indiscriminada de caramelo ao vinagre e aumento no percentual mínimo de suco que deve estar presente no néctar de uva. 


Boa qualidade

A safra deste ano foi antecipada entre 15 e 20 dias devido ao calor fora de época no inverno. As variedades que estão sendo colhidas apresentam boa qualidade. Em relação à quantidade produzida, a expectativa é de que seja menor do que a da safra anterior. 


Reportagem: Carina Furlanetto


É proibida a reprodução, total ou parcial, do texto e de todo o conteúdo sem autorização expressa do Grupo SERRANOSSA.


Siga o SERRANOSSA!

Twitter: @SERRANOSSA

Facebook: Grupo SERRANOSSA


O SERRANOSSA não se responsabiliza pelas opiniões expressadas nos comentários publicados no portal.




Curta o SERRANOSSA