Política
08/02/2020 09:20:29, escrita por SERRANOSSA

Estado recebe 34 pedidos de reconsideração da bandeira vermelha

Nas últimas 36 horas após a divulgação do mapa preliminar do Distanciamento Controlado da 13ª rodada, o governo do Estado recebeu, até o encerramento do prazo para envio na manhã deste domingo, 02/08, 34 pedidos de reconsideração enviados por municípios e associações regionais. Divulgado na sexta-feira, 31/07, o levantamento aponta 12 regiões com bandeira vermelha (alto risco) e oito com laranja (risco médio).

As 12 regiões preliminarmente classificadas com risco alto para o contágio são Canoas, Caxias do Sul, Novo Hamburgo, Porto Alegre, Taquara, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Bagé, Pelotas, Santa Rosa, Lajeado e Santo Ângelo.


 

São 340 municípios (do total de 497) que compõem a zona vermelha do mapa, somando 8.749.268 habitantes, ou seja, 77,2% da população gaúcha (11.329.605 habitantes).

Desse total, 170 cidades – 955.905 habitantes, que correspondem a 8,4% do RS – podem adotar protocolos de bandeira laranja sem necessidade de entrarem com recurso, porque cumprem os critérios da Regra 0-0, ou seja, não têm registro de óbito ou hospitalização de moradores nos últimos 14 dias, desde que a prefeitura crie um regulamento local.

Os pedidos de reconsideração serão avaliados pelas equipes técnicas do governo. A decisão será tomada pelo Gabinete de Crise nesta segunda-feira, 03/08 e, à tarde, o mapa definitivo, vigente a partir de terça 04/08, será divulgado pelo governador Eduardo Leite.

O Estado está avaliando a adoção de um modelo de cogestão do Distanciamento Controlado e trabalha a questão com a Federação das Associações de Municípios (Famurs). Para a próxima terça-feira, 04/08, está marcada uma nova reunião entre o governo do Estado, a direção da Famurs e 27 associações regionais.

Imagem: Divulgação/Governo do RS




Curta o SERRANOSSA