Saúde
03/09/2021 17:17:28, escrita por Raquel Konrad

Em dois dias, Bento registra sete óbitos por coronavírus

A situação da pandemia do coronavírus em Bento Gonçalves segue preocupando autoridades e profissionais de saúde. Além do colapso hospitalar, que obrigou o Tacchini a suspender os seus atendimentos por falta de leitos e excesso de pacientes, o número de contaminados e mortes no município segue crescendo. Somente nesta segunda e terça-feira, 08/03 e 09/03, sete óbitos pela doença foram registrados na cidade. O número de casos ativos e de pacientes internados em UTI segue sendo o maior desde o início da pandemia – são 66 internados em tratamento intensivo e 890 pessoas contaminadas na cidade.

Na segunda-feira, o boletim epidemiológico de Bento registrou três óbitos: duas mulheres, na faixa etária dos 90 anos, que faleceram nos dias 06/03 e 07/03, e um homem, na faixa etária dos 70 anos, que faleceu no dia 07/03. Todos estavam internados no Tacchini.

Já nesta terça-feira, 09/03, foram registrados quatro óbitos no boletim: duas mulheres, na faixa etária dos 80 e 90 anos, que faleceram nesta terça-feira, 09/03; um homem, na faixa etária dos 70 anos, que faleceu no dia 08/03; e outro homem, na faixa etária dos 60 anos, que tinha comorbidades e faleceu também nesta terça-feira 09/03. Todos estavam internados no Tacchini.

Com esses óbitos, Bento chega a 191 mortes de pessoas com covid-19. São 10.094 confirmados e 9.013 recuperados da doença.
 




Curta o SERRANOSSA