Segurança
05/11/2021 16:43:14, escrita por Eduarda Bucco

Identificada mulher encontrada morta em matagal em Bento

Clessiane Castagnetti, de 28 anos, era natural de Bento Gonçalves e não possuía registro de antecedentes policiais

A Polícia Civil de Bento Gonçalves divulgou na tarde desta terça-feira, 11/05, a identificação da mulher encontrada morta no fim da tarde de segunda-feira, 10/05, em um matagal no fim da rua Ettore Giovanni Perizzolo, entre os bairros Progresso e Humaitá, em Bento Gonçalves. Clessiane Castagnetti, de 28 anos, era natural de Bento Gonçalves e não tinha registro de antecedentes policiais. A informação foi repassada pelo delegado Clóvis Rodrigues de Souza, que está respondendo temporariamente pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM). 

Ainda conforme o delegado, tudo indica que a vítima tenha sofrido enforcamento, por meio de um cadarço que foi encontrado amarrado em seu pescoço. “Pedimos outros exames complementares que teremos o resultado adiante, como de violência sexual e toxicológicos”, informa. Até o momento, não há informações sobre a autoria do crime. 

O corpo da mulher foi localizado por volta das 16h30, após alguém ter acionado o Samu. De acordo com avaliação dos peritos, a mulher teria sido morta horas antes da localização do seu corpo.  

Esse foi o 16º assassinato registrado apenas neste ano em Bento.




Curta o SERRANOSSA