Segurança
06/10/2021 11:35:23, escrita por SERRANOSSA

Morre em confronto com a BM último membro da quadrilha acusada de resgatar preso em Caxias

No fim da tarde de quarta-feira, 09/06, durante confronto com a Brigada Militar, morreu Alex Aniceto dos Reis, 46 anos, o último membro da quadrilha acusada de participar do resgate do apenado Guilherme Fernando Mendonça Huff, na UPA Zona Norte, em Caxias do Sul, que resultou na morte do agente da Susepe Clóvis Antônio Roman, de 54 anos, na segunda-feira, 07/06.

O confronto ocorreu por volta das 18h na rua Luiz Covolan, no limite entre os bairros Tijuca e Reolon. Segundo a BM, Alex estava a pé e foi baleado após resistir a uma abordagem policial. Ele é apontado como o condutor do Passat envolvido na invasão da UPA Zona Norte e vinha sendo monitorado pelo setor de inteligência da BM.  Ainda conforme a corporação, o homem portava um revólver no momento da abordagem. 

De acordo com a polícia, ainda na manhã da quarta-feira, 09/06, o detento resgatado acabou se matando com um tiro quando agentes invadiram o apartamento em que ele estava escondido, em Porto Alegre. Durante a ação, outros dois criminosos foram presos, e a mulher do preso alvo do resgate também foi presa em Três Cachoeiras. 

No início da semana, a BM e a Polícia Civil já haviam chegado a um dos endereços de apoio da quadrilha, na rua Ludovico Cavinato, no bairro São José, em Caxias do Sul, onde foram apreendidos coletes balísticos, munições, carabina, rifle e fuzil, além do veículo que aparece nas filmagens do resgate do preso na UPA Zona Norte. 




Curta o SERRANOSSA