Vida & Estilo
17/01/2011 09:07:13, escrita por SERRANOSSA

Quase 36% das radiografias não são retiradas

Dados de 2010 foram divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde

Conforme dados da Secretaria Municipal de Saúde, em 2010 quase 36% das radiografias realizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Bento Gonçalves não foram retiradas. O relatório apresentado pela pasta apresenta ainda dados de exames de mamografia e do laboratório local, com um total de menos de 5% de não retirados.

Em laboratório particular os valores das radiografias variam de acordo com o tipo solicitado. Os preços variam de R$ 60 a mais de R$ 250. Dos 14.751 exames agendados, 5.280 não foram retirados. Estimando que cada exame custe pelo menos R$ 60, esta não retirada representa um gasto mal empregado de cerca de R$ 316 mil em 2010. Porém, estes valores ainda não foram calculados pela pasta.

De férias até o dia 27 de janeiro, o secretário de saúde Ivanir José Zandoná garantiu ao jornal SerraNossa que ao retornar ao trabalho dará continuidade à montagem do Sistema de Custos da Secretaria. Segundo ele, o estudo mostrará o que é gasto com cada serviço, incluindo manutenção de equipamentos, material utilizado e custo dos profissionais envolvidos. Zandoná acredita que dentro de 15 dias após o seu retorno as planilhas devam ficar prontas, mostrando em valores reais como a não retirada de exames onera o Poder Público.

 

Siga o SerraNossa!

Twitter: http://www.twitter.com/serranossa

Facebook: Jornal SerraNossa

Orkut: http://www.orkut.com.br

 



O SERRANOSSA não se responsabiliza pelas opiniões expressadas nos comentários deixados pelos leitores e adverte que o conteúdo pode ser reproduzido em reportagens. O teor das mensagens está sujeito a moderação.



Curta o SERRANOSSA