Vida & Estilo
17/02/2012 10:02:38, escrita por SERRANOSSA

Manual de sobrevivência ao Carnaval

Para manter o pique pelos quatro dias de festa, é necessária uma dose de atenção com a saúde

Com a chegada do Carnaval, muitas pessoas têm expectativas para os dias de folia e diversão. Tudo bem que a música diz “Paz, Carnaval, futebol... Não mata, não engorda e não faz mal”, mas é preciso mais atenção para evitar desgastes desnecessários. Cuidar da saúde é essencial para poder curtir e aproveitar toda a festa. Manter alguns hábitos saudáveis pode garantir uma resistência maior na maratona carnavalesca e, consequentemente, para os dias depois da folia, quando a vida volta à rotina normal. Afinal, ninguém pretende interromper a diversão por falta de cuidados.

Escolha da roupa

Até Noel Rosa perguntou, “com que roupa eu vou, pro samba que você me convidou?”. Essa dúvida surge também nos dias de folia, na hora de decidir como será a fantasia ou o look para poder dançar muito. Segundo a coordenadora do curso de Tecnologia em Design de Moda da Universidade de Caxias do Sul, Adriana Conte, o Carnaval é para se divertir, por isso, a roupa deve ser leve. “Não dá para ser uma peça que precisa ficar ajeitando. Tem que deixar a vontade a ponto de esquecer da roupa. A regra é o conforto”, frisa.

Entre os tecidos, Adriana sugere os de fibras naturais, como algodão e seda. “Eles são melhores pela questão da transpiração”, comenta. Nos pés, segue a ideia de conforto. Para as mulheres que não sabem se usam salto ou vão de rasteirinha, a professora destaca que deve ser considerado o local onde ocorrerá a festa. “Caso seja em um clube, até pode ser usado um salto, mas seria interessante levar alguma opção para trocar depois. Pés doendo não podem ser motivo para estragar a festa”, indica.

Como o Carnaval é popular por ser um momento em que as pessoas ousam mais na produção, uma dica é caprichar na maquiagem e nos acessórios. “A maquiagem mais colorida é uma opção, mas procure produtos de longa duração ou fáceis de retocar”, ressalta. Lembrando que os acessórios são parte do look, mas também não podem atrapalhar. A produção deve ser feita para durar por um longo período. “Cabelo preso funciona muito bem”, completa Adriana.//

Mantendo o pique

Para poder aproveitar todos os dias de festa, o corpo precisa estar bem, ainda mais com as altas temperaturas. Manter hábitos saudáveis faz com que o organismo consiga funcionar corretamente, refletindo na disposição que o folião terá para encarar o Carnaval. A nutricionista Valéria Andretta indica uma alimentação leve, sem gorduras e que se mantenha o corpo hidratado. “Água de coco, isotônicos e muita água mineral para não ficar desidratado”, recomenda.

Para Valéria, é importante que a pessoa se alimente de três em três horas. “Procurar comer bastante proteína para não perder massa muscular, como peixe, ovo, frango, frutas e alimentos integrais, para manter a glicemia e não desmaiar”, explica a nutricionista. O ideal para repor as energias são sucos desintoxicantes (veja quadro) e alimentação balanceada.

O clínico geral e cirurgião do aparelho digestivo, Fernando Meneguzzi, faz um alerta aos que vão se render à animação do Carnaval: “cuidado com os exageros”. O médico frisa que a hidratação é de suma importância, seja com água ou sucos naturais de frutas. “É preferível que não sejam frutas cítricas para evitar uma gastrite, já que, normalmente, as pessoas costumam exagerar no consumo de álcool”, aconselha.

Meneguzzi sugere que as pessoas tenham uma espécie de kit de medicamentos para males que podem afetar o organismo conforme a intensidade da festa. Antiemético, para náuseas e vômitos; analgésico para dor de cabeça e crises de enxaqueca; e anti-inflamatório para as dores musculares. “É recomendado evitar relaxante muscular porque dá muito sono e, se misturado com bebida alcoólica, pode resultar em fortes efeitos colaterais”, alerta. Ele completa que é preciso, no mínimo, oito horas de descanso, para que o corpo possa se recuperar.

Sucos desintoxicantes

Receita 1: uma cenoura, cinco morangos, suco de um limão e água

Receita 2: um punhado de salsinha verde, suco de um limão, uma lasca de gengibre e água

Receita 3: uma rodela de abacaxi, uma folha de couve, uma cenoura e água

Modo de preparo: Bater no liquidificador os ingredientes e beber em seguida


Sem desgastar o corpo

Como não é apenas um dia de festa, cuidar do corpo é importante para não perder o fôlego ou ter alguma lesão durante o Carnaval. De acordo com a professora do curso de Educação Física da Universidade de Caxias do Sul (UCS), Maria Helena Calcagnotto, o ideal é ter praticado atividade física regularmente, ao menos três vezes por semana durante o ano, para manter a resistência a tantas horas de samba no pé. “O corpo precisa estar preparado para alguns dias de folia e muitas horas acordado, sambando e pulando”, comenta. Caso a pessoa não tenha esse preparo, a professora indica que se procure dormir bem e, antes de sair para a folia, eleve as pernas a 45° (deitada, os pés podem ser elevados com travesseiros), para melhorar a circulação, aliviando a sensação de cansaço e pernas pesadas. “De vez em quando, a pessoa pode sentar e fazer movimentos circulares (rotação) com os tornozelos. Outra dica é elevar-se na ponta dos pés e retornar, colocando os calcanhares no chão e repetindo de 10 a 15 vezes. Isso melhora o retorno venoso e diminui a sensação de cansaço nos pés”, aconselha Maria Helena.  “Procure escutar seu corpo, sentindo alguma dor mais forte, diminua o ritmo para evitar uma lesão que o impeça de retornar a folia ou mesmo ao trabalho quando a folia acabar”, ressalta a professora.

Tempo para relaxar

Depois de um dia todo de festa ou mesmo após o término da folia, o corpo precisa relaxar. Maria Helena comenta que exercícios respiratórios, quando a pessoa estiver deitada na cama, também ajudam a recuperar, oxigenando melhor o corpo. “Antes de dormir, de preferência após um banho relaxante, respire, inspirando rapidamente em dois tempos e expire soltando o ar lentamente até sentir o completo esvaziamento do diafragma e dos pulmões. Repita até sentir o corpo relaxar”, orienta.

Outras dicas:

* Colocar as duas pernas e os dois braços para cima e sacudi-los vigorosamente ajuda a recuperar a musculatura. Procure manter o exercício entre três e cinco minutos.

* Massagear a sola dos pés com uma bolinha de tênis já usada, ou pressionar alguns pontos mais dolorosos com uma bolinha de golfe por alguns segundos também ajuda.

*Tomar banho alternado, um minuto quente e um minuto frio, terminando com o banho frio, também ajuda ativar a circulação, melhorando a disposição para mais um dia de folia. A unibiótica (prática implantada por um médico coreano que trabalha com hábitos alimentares, exercícios e condicionamento mental) indica mais ou menos sete minutos de alternância.

* Para evitar lesões, pode ser feito alongamento: estender uma perna para trás com calcanhar no chão e manter a outra à frente com o joelho flexionado, empurrando uma parede ou segurando-se em uma barra durante 20 a 30 segundos, depois repetir com a outra perna; alongar a coluna segurando-se em uma barra ou corrimão, com pernas unidas, joelhos flexionados, braços estendidos, soltando lentamente o peso para trás mantendo a posição por 20 a 30 segundos ou sentando-se em uma cadeira flexionar o corpo para frente tentando tocar as mãos nos pés.

Beber água aos poucos

A professora Maria Helena orienta para hidratar-se de 20 em 20 minutos, procurar beber água aos poucos. “Caso permaneça na folia por mais de duas horas, procure utilizar isotônicos para repor os sais minerais perdidos e evitar cãibras indesejadas”, destaca.

Prevenção

O Ministério da Saúde já está com a campanha de Carnaval 2012. O slogan é: “Se rolar, use camisinha”. A intenção é conscientizar os foliões sobre a importância do uso do preservativo, mostrando que, se a pessoa não estiver prevenida, a solução não surgirá como em um passe de mágica. Um jingle, com o cantor Michel Teló, reforça a campanha. Não esqueça, além de evitar a gravidez não programada, a camisinha protege contra doenças sexualmente transmissíveis.

 

Siga o SerraNossa!

Twitter: http://www.twitter.com/serranossa

Facebook: Grupo SerraNossa




Curta o SERRANOSSA