Vida & Estilo
22/06/2012 15:13:15, escrita por SERRANOSSA

Cuide da saúde dos livros

É indicado limpar com uma escova seca e passar um pincel macio nas primeiras e últimas páginas

Criar condições para que os livros não estraguem é a melhor alternativa para mantê-los conservados e, assim, compartilhar suas histórias com as próximas gerações. Para isso, é preciso acomodá-los em um ambiente seco, arejado e longe da luz direta do sol e de lâmpadas, evitando o ressecamento e a queima do papel.

Segundo a bibliotecária Maria Nair da Cruz, de Caxias do Sul, a umidade também é um empecilho para a preservação de livros e revistas, especialmente as de papel do tipo couchê, que tendem a colar as páginas. “Além da umidade, o escuro também estraga os livros, atraindo mofo e pragas como as traças, que destróem o papel”, alerta a profissional.

O manuseio das obras com mãos limpas e o cuidado para não sujá-las com líquidos ou alimentos, que atraem insetos e mancham as páginas, são importantes. Outro detalhe que deve ser observado é que os leitores usem um marca página em vez de dobrar o papel, pois, com o tempo, a parte dobrada pode ressecar e cair. Além disso, não se deve deixar os livros apertados na estante ou pegá-los pelas pontas. O ideal é apanhá-los pela parte do meio.

Para a manutenção, a especialista explica que é preciso retirar os livros da estante, pelo menos duas vezes por ano, passar escova nas capas e um pincel macio nas primeiras e nas últimas páginas. “Dessa forma, se houver insetos, é possível ver e tomar precauções”, destaca.   

Não é indicado usar fita adesiva comum para colar livros, pois com o tempo ela cai e deixa manchas. O ideal é usar uma cola que não agrida o papel, como as colas específicas para papel de parede. Elas são próprias para o restauro de livros


Dicas para conservar livros 

*Livros em excesso são pesados. Dê atenção à espessura das prateleiras;

*Lembre-se que o livro deve ser constantemente manuseado. O simples ato de virar as páginas oxigena o material, evita a acumulação de micro-organismos que atacam o papel, além de colaborar para que as folhas não fiquem ressecadas e quebradiças;

*Não guarde os livros acondicionados em sacos plásticos. Isso impede a respiração adequada do papel;

*Evite encapar os livros com papel pardo ou similar. Essa aparente proteção contra a poeira causa mais dano que benefício em médio e curto prazo. Esse tipo de papel transmite seu teor ácido para os materiais que estiver envolvendo;

*Faça uma vistoria e limpeza anual. Retire todos os livros, limpe-os com um paninho seco. *Depois limpe a estante com um pano úmido. Evite passar produtos fortes, já que seus resíduos podem infiltrar no papel;

*Deixe sempre um espaço entre estante e parede, pois a parede transmite umidade aos livros, que pode ocasionar fungos;

*Armários e estantes devem ser arejados. Estantes fechadas devem ser periodicamente abertas;

*Estantes de metal são preferíveis do ponto de vista da conservação dos livros;

*Não use clipes como marcadores de páginas. O processo de oxidação do metal mancha e estraga o papel; 

*Em estantes de madeira, opte por revestir as prateleiras com vidro. Não use tintas à base de óleo;

*Não guarde livros inclinados. Aparadores podem mantê-los retos;

*Encadernações de papel e tecido não devem ser guardadas em contato direto com as de couro;

*Na prateleira, os livros devem ficar folgados. Sendo fáceis de serem retirados, duram mais; 

*Os livros comprimidos nas prateleiras induzem a sua retirada de maneira incorreta, o que danifica as lombadas e fatalmente leva ao dano da encadernação. Ao tirar um livro da prateleira, não o puxe pela parte superior da lombada, mas empurre os volumes dos dois lados e puxe-o pela parte do meio. Livros apertados também favorecem o aparecimento de cupins;

*Ao ler um livro, evite abri-lo totalmente, como em cima de uma mesa. Isso pode comprometer a estrutura de sua encadernação; 

*A posição considerada ideal para um livro é a vertical. Livros maiores devem ter prateleiras específicas para isso. Em último caso, deixe-os horizontalmente, tomando-se o cuidado de não sobrepor mais de três volumes; 

*Não coloque o livro à luz do sol direta. O sol desbota e entorta as capas;

*Se for um livro antigo ou de maior sensibilidade, lave as mãos antes de folheá-lo, já que a gordura presente na pele contribui para a aceleração da decomposição do papel. Evite umedecer as pontas dos dedos com saliva para virar as páginas do livro;

*Não utilize fitas adesivas comuns, fitas-crepes e cola branca (PVA), para evitar a perda de um fragmento de um volume em degradação. Esses materiais possuem alta acidez, provocam manchas irreversíveis no local aplicado. 

Fonte: Universo dos Livros

 

Reportagem: Alexandra Duarte


Siga o SERRANOSSA!

Twitter: @SERRANOSSA

Facebook: Grupo SERRANOSSA




Curta o SERRANOSSA