Vida & Estilo
17/08/2018 12:08:06, escrita por SERRANOSSA

Mortes por diabetes cresceram 12% em seis anos no Brasil, aponta Ministério da Saúde

Portal Minha Vida

Apesar dos avanços no diagnóstico e tratamentos, o diabetes continua sendo um problema de saúde pública mundial, acometendo mais de 400 milhões de pessoas, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). Entre 2010 e 2016, o Brasil registrou um crescimento de 12% no número de mortes pela doença, segundo dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM). Em todo o período, o país registrou 406.452 mortes de brasileiros que tiveram relação com o diabetes.


 

Os dados divulgados pelo Ministério da Saúde mostraram que foram registradas 54.877 mortes em 2010, número que passou para 61.398 no ano de 2016. Já a quantidade de internações por diabetes sofreu uma queda, passando de 148.384 casos em 2010 para 135.364 em 2016. "O diabetes é uma doença crônica que pode ser evitada, desde que hábitos saudáveis, como uma alimentação adequada e a prática de atividade física, sejam adotados", disse, em nota, Marta Coelho, coordenadora de programa de doenças não transmissíveis do Ministério da Saúde.

Além disso, a Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) apontou um crescimento de 54% no índice de homens que apresentaram diagnóstico médico de diabetes entre os anos de 2006 e 2017. Apesar de apresentarem percentual mais elevado em 2017, as mulheres (8,1%) tiveram um crescimento de 28,5% no mesmo período.

A investigação trouxe, também, que o indicador de diabetes aumenta com a idade, principalmente entre idosos com mais de 65 anos (24%) e é maior entre os com menor escolaridade, que frequentam a escola por até oito anos (14,8%).
 


 



O SERRANOSSA não se responsabiliza pelas opiniões expressadas nos comentários deixados pelos leitores e adverte que o conteúdo pode ser reproduzido em reportagens. O teor das mensagens está sujeito a moderação.



Curta o SERRANOSSA