Vida & Estilo
15/01/2019 13:47:06, escrita por SERRANOSSA

Hospital Tacchini: tempo de atendimento ao paciente infartado fica abaixo do que determinam protocolos internacionais

Em setembro de 2018, o Hospital Tacchini passou a utilizar a Tecnologia da Informação para agilizar ainda mais o atendimento de urgência e emergência prestado a pacientes com diagnóstico de infarto agudo do miocárdio. Os primeiros resultados mostram diminuição no tempo de atendimento, tendo como base o que determinam protocolos internacionais – a duração média, que era de 120 minutos antes da ferramenta, passou a ser de 68 minutos. A recomendação baseada nos protocolos estipula que entre a chegada à emergência até o procedimento de abertura da artéria coronária se passem, no máximo, 90 minutos.

 


Após utilização da Tecnologia da Informação, tempo médio de atendimento de pacientes com infarto caiu de 120 para 68 minutos no Tacchini (Foto: Divulgação/Tacchini)

 

Chamada de “Protocolo da Dor Torácica”, a ferramenta foi desenvolvida dentro do próprio hospital e é capaz de monitorar todo o atendimento, desde a chegada ao Pronto-socorro, passando pela estabilização dos sinais vitais, até a realização do exame de eletrocardiograma e, se necessário, o encaminhamento ao serviço de Hemodinâmica. 

Os resultados positivos estão sendo possíveis graças à combinação da tecnologia com o fator humano. Isso porque todos os integrantes da equipe assistencial foram sensibilizados quanto à importância de um atendimento ágil e seguro e capacitados para o uso da nova ferramenta, o que contribui para um atendimento rápido, dinâmico e seguro do paciente. 

 



 

Tempo entre a chegada à Emergência até a abertura da artéria coronária, conforme protocolos internacionais: 90 minutos

Tempo médio para atendimento no Tacchini, antes da implantação da ferramenta: 120 minutos

Tempo médio para atendimento no Tacchini, após a adoção da nova ferramenta: 68 minutos




Curta o SERRANOSSA