• Naturepet Pharma
  • Envase
  • Posto Ravanello
  • Tacchini
  • Vinícola Garibaldi
  • Debianchi

Vinícola Aurora é eleita a marca de vinhos preferida e mais lembrada pelos gaúchos

  • Vinícola Garibaldi
  • Envase
  • Naturepet Pharma
  • Tacchini

Cooperativa também obteve destaque nas categorias de espumantes e sucos de frutas na pesquisa Marcas de Quem Decide. Empresa é líder de mercado no país em vinhos finos nacionais, suco de uva integral e coolers

O diretor Administrativo e Financeiro da Aurora, Rui Ficagna, o gerente Nacional de Vendas, Silvio dos Santos Martins, o presidente, Renê Tonello (centro), o vice-presidente, Celito Bortoli, e o diretor Industrial, Roberto Lazzarini, na premiação do Marcas de Quem Decide. Fotos: Jean Tomasi

A cada 10 garrafas de vinhos finos brasileiros vendidas no país, 3,3 são elaboradas pela Cooperativa Vinícola Aurora. A liderança de mercado mais uma vez refletiu na pesquisa Marcas de Quem Decide, que teve os destaques anunciados na manhã de terça-feira, 12/03, em Porto Alegre.

Nesta edição, a companhia aparece como a marca de vinhos mais lembrada e preferida dos gaúchos. A Aurora também obteve destaque nas categorias de suco de frutas (segunda mais lembrada e terceira na preferência) e de espumantes (terceira posição entre as mais lembradas e preferidas). Pelo segundo ano seguido, a empresa figurou entre as cinco cooperativas agrícolas mais lembradas e preferidas.

Para o presidente do Conselho de Administração da Cooperativa Vinícola Aurora, Renê Tonello, o resultado é fruto da atenção ao mercado e aos padrões de compra dos consumidores. Ele reforça que a liderança consolidada nas categorias de vinhos finos nacionais e de suco de uva integral contribui para o reconhecimento na pesquisa.

“Essa presença forte no mercado, aliada à inovação e à busca constante pela qualidade dos produtos, garantem à Aurora uma lembrança muito positiva na cabeça das pessoas”, acredita.

Tonello também cita a menção aos espumantes como algo a ser destacado. Para o presidente, os lançamentos da empresa e o padrão de qualidade dos rótulos das mais variadas faixas de preço tiveram papel decisivo no avanço da categoria nos últimos anos. 

“O constante investimento em tecnologia no parque fabril garante um produto com um padrão único. Juntamos essas características e chegamos ao reconhecimento da bebida por especialistas de diversos países, com espumantes premiados em todo o mundo, inclusive em países que são exímios produtores da bebida, como a Itália e a França”, exemplifica.

O presidente menciona o lançamento do Aurora Zero Álcool, que, mesmo não sendo um espumante – se trata de uma bebida à base de suco de uva, levemente gaseificada – tem gerado o engajamento para a marca. O produto tem alcançando um público diverso, que vai desde pessoas que optam em não consumir bebidas alcóolicas, até quem tem alguma restrição pelos mais variados motivos.

Os principais mercados consumidores dos vinhos da Cooperativa Vinícola Aurora são Rio Grande do Sul, São Paulo e Rio de Janeiro. A companhia registra o crescimento de mercados nos estados de Santa Catarina, Paraná e Minas Gerais. 

Rumo ao centenário

A Cooperativa Vinícola Aurora celebrou 93 anos em fevereiro. É a maior empresa do setor no país, com 1,1 mil famílias de associados, todos produtores de uva da agricultura familiar.

Posicionada como líder nacional nas categorias vinhos finos, suco de uva integral e coolers, a empresa tem um portfólio de 220 itens, divididos em 13 linhas. Os rótulos da marca são comercializados para todos os 26 estados brasileiros e o Distrito Federal e estão presentes em outros 17 países.

Empresa também foi destacada nas categorias de suco de frutas   espumantes e cooperativas agrícolas.

A Aurora segue rumo ao centenário renovando o compromisso para um futuro organizacional cada vez mais eficiente, responsável, sustentável e cooperativista. Além de uma série de iniciativas permanentes que estão sendo desenvolvidas gradativamente desde o ano passado em seus processos, a Aurora implementou seu novo planejamento estratégico, com as ações que vão nortear a companhia até 2028. 

A cooperativa desenvolve, ainda, uma série de iniciativas em seus processos para estar alinhada às melhores práticas de mercado, de compliance e de sustentabilidade. Entre as medidas está o aperfeiçoamento do programa de Boas Práticas Agrícolas (BPA), com capacitações, orientações e inspeções dos cooperados, em 11 municípios da Serra Gaúcha, e ações voltadas para ESG e compliance.

Sobre a pesquisa Marcas de Quem Decide

A pesquisa Marcas de Quem Decide é promovida anualmente pelo Jornal do Comércio. Na 26ª edição, o estudo foi executado pelo Instituto Pesquisas de Opinião (IPO) e entrevistou 400 pessoas nas 47 principais cidades do Estado. A coleta de dados iniciou em dezembro de 2023, seguiu ao longo de janeiro deste ano e avaliou 76 grupos econômicos.

Elis Radmann, cientista social e política e diretora da IPO, explica que o trabalho envolvendo a pesquisa inicia ainda nos meses que antecedem as entrevistas para a coleta de dados.

“Assim como as marcas são dinâmicas, as pesquisas também são. Os bastidores de organização da pesquisa Marcas de Quem Decide monitora os resultados do desempenho do PIB das principais cidades do Rio Grande do Sul, a fim de delimitar as cidades que farão parte do estudo. Com a definição das cidades, tem-se a capacidade de calcular a amostra. Temos ainda o trabalho permanente de observar as fusões, reposicionamentos ou nascimento de novas marcas”, informa.

Fonte: M Comunicação